PROGRAMA ESPECIAL

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho normal da fonte
  • Diminuir tamanho da fonte
  • layout default 
  • layout default daltonismo 
  • layout default contraste
Home Blog Dia do Trabalho

Dia do Trabalho

Envie este artigo para um amigo Imprimir PDF

No Programa Especial desta semana é em homenagem ao Dia do Trabalho, comemorado no dia primeiro de maio. Vamos até São Paulo visitar um hospital para conhecer o programa Gente Eficiente, que promove a inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho. Em Recife, Milton, que é cego, fala sobre seu trabalho em uma universidade. No Rio de Janeiro, vamos conhecer Wilzinha, que é astróloga e cadeirante, e Alex Rodrigues, que é fotógrafo e é amputado das duas pernas.

Em uma praia, Alez segura uma câmera perto do rosto. Na frente dele, uma mulher com a mão em cima de um barco emborcado.

 

 

Nossa equipe conheceu o programa Gente Eficiente, realizado por um hospital de São Paulo. O objetivo é capacitar e contratar profissionais com deficiência e estimular a inclusão no mercado de trabalho. A diretora executiva de Recursos Humanos do hospital, Míriam do Carmo, explicou como é esse programa:

“Esse programa tem como objetivo fazer a inclusão de pessoas com deficiência, para que essas pessoas consigam ter chances de trabalhar. No programa, tem vários tipos de deficiência e vários tipos de profissionais. Oitenta por cento das posições estão na área administrativa, mas tem médico com deficiência, tem enfermeiro com deficiência”.

Wilzinha Rosário é astróloga e cadeirante. Ela conversou com a gente sobre o amor pela profissão:

“A Astrologia sempre foi uma paixão minha desde nova, porque meu pai é militar e, quando eu era pequena, a gente tinha uma casa em Friburgo, e nós tínhamos o hábito de observar o céu e, dali, ele ficava me mostrando as constelações, e aquilo, ali, me fascinava desde então. E, quando eu me deparei com uma Mandala Astrológica, eu falei: ‘Gente, eu quero decifrar isso aqui’. E foi então que eu resolvi estudar”.

Milton é responsável pela acessibilidade e pelo monitoramento de redes sociais em uma universidade de Recife e é cego. Nós conversamos com ele para saber como é esse trabalho:

“Hoje a universidade tem a preocupação de estar atenta ao que é dito ou comentado sobre a instituição nas redes sociais. É feito um relatório e um acompanhamento para que ela possa ter um relacionamento melhor com a sociedade acadêmica. Hoje eu faço isso através de um leitor de telas que transforma todas as informações textuais em áudio através de um sintetizador de voz. Então, com isso, eu consigo utilizar o computador normalmente como os meus colegas de trabalho”.

O fotógrafo Alex Rodrigues tem carreira internacional e é amputado das duas pernas. Ele falou sobre a importância do trabalho:

“A importância do trabalho é número um: o elevo da autoestima. Número dois: a sensação que você ainda é útil, você funciona. E número três: você precisa mostrar à sociedade que existe lugar para todos”.

Joomla Templates and Joomla Extensions by ZooTemplate.Com
 

Adicionar comentário



Programa Especial

O Programa Especial é totalmente dedicado à inclusão das pessoas com deficiência. Todo sábado às 10h30min você pode acompanhar reportagens positivas, otimistas, descontraídas e acessíveis a todos. Para isso, o Programa conta com janela de LIBRAS, legenda e audiodescrição. Seja muito bem-vindo!